VIAJANDO NO TEMPO...e no espaço!

Março 07 2009

 

1248- 1279
D. Afonso III - "O Bolonhês"
5 de Maio de 1210 (Coimbra) – 16 de Fevereiro de 1279 (Alcobaça)
Casou com D. Matilde de Bolonha e com D. Beatriz de Castela
 

À sua chegada o conde de Bolonha ( por ser casado com D. Matilde condessa de Bolonha ) tinha-se auto-proclamado rei como Afonso III, mas a morte de Sancho II sem descendentes deu a esta usurpação um manto de legalidade.
A esposa do rei, D. Matilde, não quis vir para Portugal e ele criou uma situação anormal de “bigamia”, fazendo contrato nupcial com a princesa D. Beatriz, que ao tempo tinha menos dez anos de idade e veio logo para Portugal, embora não fizesse vida marital. E, por estranho que pareça, os bispos não lhe fizeram qualquer oposição. 
Continuou a política dos reis anteriores, unindo o reino dividido, completou a ocupação do Alentejo e Algarve, transferiu a capital de Coimbra para Lisboa em 1256 e fortificou-a com a edificação de torres, convocou as Cortes em Leiria nas quais foram convocados pela primeira vez em Portugal os representantes das municipalidades (Representantes do Povo).
Ao tentar ampliar a cultura intelectual, criou condições favoráveis à actuação dos trovadores provençais, que ele apreciava e protegia.
 
Para aprofundar os conhecimentos sobre este rei, consulte:

 

 

1279 - 1325
D. Dinis - "O Lavrador"
9 de Outubro de 1261 (Lisboa) – 7 de Janeiro de 1325 (Odivelas)
Casou com D. Isabel de Aragão
 
O rei D. Dinis foi mandado educar esmeradamente pelo seu pai e revelou-se modelar como soberano, no domínio da politica.
Fomentou a agricultura, tendo como medida mais notável a sementeira do pinhal de Leiria, propriedade real; incentivou a distribuição e circulação da propriedade favorecendo o estabelecimento de pequenos proprietários; mandou drenar pântanos para distribuir a terra a colonos; concedeu várias minas e mandou explorar algumas por sua conta; desenvolveu as feiras.
Reorganizou a marinha, interessando-se pelo comércio marítimo e aperfeiçoamento dos processos de navegação, contratando marinheiros italianos para virem trabalhar para Portugal e fez convénios comerciais com outros monarcas; resolveu habilmente o problema dos Templários (perseguidos por Filipe o Belo rei de França, que conseguiu do Papa a sua extinção), criando para isso a Ordem de Cristo.
Fundou a Universidade de Coimbra. O português torna-se a língua oficial do país. Distinguiu-se pelos seus dotes de poeta.
Promoveu a construção de castelos e novas muralhas em redor das cidades.
Sua esposa deixou nome pelas suas excepcionais virtudes, sobretudo pelo interesse que lhe mereceu a paz, sendo conhecida por Rainha Santa ou Rainha Santa Isabel tendo culto muito intenso no centro do País, designadamente em Coimbra e Ansião.
 
Para aprofundar os conhecimentos sobre este rei, consulte:
 
 
  1325 - 1357
D. Afonso IV - "O Bravo"
8 de Fevereiro de 1291 (Coimbra) – 28 de Maio de 1357 (Lisboa)
Casou com D. Beatriz de Castela
 
 
A História deu-lhe este cognome de "Bravo", por ter mostrado grande valor guerreiro na batalha que os exércitos de diversos reis cristãos travaram contra as tropas sarracenas, nas margens do rio Salado, no sul de Espanha.
No princípio do reinado teve dura luta com seu irmão bastardo que pretendia ocupar o trono.
O facto mais notável do seu reinado foi o da condenação à morte, pelo rei, e a execução de D. Inês de Castro, não sendo propriamente atitude ou iniciativa judicial, foi mais uma medida administrativa ou governativa. Sofreu a morte em atenção às chamadas razões de Estado, por motivos que muito se parecem com os conluios políticos.
Promoveu o progresso de Portugal, sobretudo no aspecto comercial, melhorando a frota marítima e fazendo tratados de comércio com alguns reis estrangeiros, nomeadamente os da Grã-Bretanha.
Há quem afirme que os portugueses começaram neste tempo as viagens marítimas de longo curso, tendo atingido o arquipélago das Canárias, mas isso não está suficientemente documentado.
 
Para aprofundar os conhecimentos sobre este rei, consulte:
 

 

publicado por viajandonotempo às 09:04

Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
14

15
16
17
18
19
20

22
23
25
26
28

30
31


ÍNDICE DESTE BLOG:
arquivos

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Tags

todas as tags

pesquisar
 
mais sobre mim
contador
blogs SAPO